quinta-feira, 16 de abril de 2015

Fundação vai projetar o BRT

15/04/2015 - O Vale - São José dos Campos/SP

A Prefeitura de São José dos Campos contratará a Fusp (Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo) para a elaboração do projeto básico do BRT.

O contrato, com valor fixado em R$ 12 milhões, vai ser firmado sem licitação --segundo a administração municipal, por se tratar de instituição de pesquisa sem fins lucrativos.

O convênio contempla o desenvolvimento de pesquisas para a implantação do BRT.

O projeto básico, embutido nesse conjunto de ações, deverá ser apresentado até 30 de junho. O contrato todo terá validade de 10 meses.

Expertise. Segundo a administração municipal, a Fusp foi escolhida por sua capacidade técnica no campo de pesquisas e pela expertise no desenvolvimento de projetos de logística e transportes.

A Fundação foi responsável, por exemplo, pela elaboração dos estudos para a implantação do Centro Integrado de Mobilidade Urbana e do Sistema Integrador do Controle de Semáforos, ambos no município de São Paulo, informou a prefeitura, em nota.

O contrato será assinado amanhã entre o prefeito Carlinhos Almeida (PT) e os representantes da fundação.

Segundo a administração municipal, o dinheiro para a elaboração do projeto sairá do empréstimo de R$ 800 milhões obtido junto ao governo federal (com contrapartida de R$ 42 milhões do município).

Edital. Na semana passada, a prefeitura publicou o edital de pré-qualificação para as empresas interessadas em disputar a obra do BRT.

Os envelopes das concorrentes deverão ser apresentados até o dia 20 de maio.

No novo sistema de transporte, batizado de Mobi, os ônibus vão trafegar em canaletas segregadas.

A expectativa é que as obras durem 42 meses. Elas serão divididas em dois lotes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário