quarta-feira, 4 de junho de 2014

Ônibus entre Congonhas e metrô circula quase vazio

04/06/2014 - Folha de SP

A primeira linha de ônibus na cidade de São Paulo a ligar o aeroporto de Congonhas, na zona sul da cidade, ao metrô ainda está com baixa adesão. A integração foi inaugurada há dez dias.

Segundo o diretor de planejamento e projetos da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), Tadeu Leite Duarte, a linha, que faz o percurso entre o terminal e a estação São Judas, da linha 1-azul, transporta hoje cerca de 1.200 passageiros por dia.

"Ela tem a capacidade de levar até 8.500 [pessoas] durante a Copa do Mundo", afirmou Duarte à Folha.

"Se ela se demonstrar útil depois disso tudo aqui [Copa], por que não mantê-la enquanto o metrô não chega?", disse Duarte. A linha 14-ouro, monotrilho que interligará o aeroporto e a rede de trens, está em obras.

A primeira semana dos ônibus com o letreiro 609J/10 - Aeroporto -- Metrô São Judas, nas ruas desde 26 de maio, foi de veículos quase vazios. O taxista Benedito de Araújo, por exemplo, disse à reportagem ter sido o único passageiro de uma das viagens.

"O que já deveriam ter feito há tanto tempo estão fazendo agora apenas porque vai vir estrangeiro", afirmou a passageira Sônia Fernandes, em referência à Copa.

Motoristas afirmam que o trajeto do aeroporto à estação do metrô é feito em, no máximo, 15 minutos. O caminho de volta, por sua vez, leva aproximadamente 30 minutos --o itinerário inclui vias movimentadas, como as avenidas Jabaquara, dos Bandeirantes e Washington Luís.

Se o percurso dessa nova linha --que custa R$ 3, valor normal de uma passagem de ônibus na cidade-- for feito de táxi, custa cerca de R$ 20.

A Airport Bus Service oferece, por R$ 36,50, serviço que liga os aeroportos de Congonhas e Guarulhos (Grande São Paulo). No trajeto, há uma parada no Terminal Rodoviário do Tietê, na zona norte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário