terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Fotos de novo ônibus motivam especulações em Sorocaba

21/01/2014 - Jornal Cruzeiro do Sul - Sorocaba



As fotos de um novo ônibus articulado, com portas altas sem degraus do lado esquerdo e com a mesma pintura dos veículos do transporte coletivo em Sorocaba, estão gerando especulações de que seria o primeiro ônibus do sistema Bus Rapid Transit (BRT), prometido pelo prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB). Nas imagens que foram enviadas para o Cruzeiro do Sul e que já circulam em redes sociais na internet, o veículo recebeu o número 2500, tem a informação que foi fabricado em 2013 e a inscrição da Sorocaba Transportes Urbanos (STU), uma das concessionárias do transporte coletivo na cidade. Segundo motoristas consultados, o ônibus teria chegado ontem à garagem da STU. A Urbes deixou de responder às questões da reportagem.

Entre os motoristas corre o boato que o novo veículo deverá fazer a linha Campolim nos próximos dias. Apesar das portas altas do lado esquerdo, o veículo teria portas com degraus semelhantes aos convencionais do lado direito, o que possibilitaria o uso imediato se as portas altas forem mantidas fechadas. O chassi do veículo é Scania e a carroceria da Neobus. Em uma das comunidades na rede Facebook denominada Legitimidade Sorocabana, há a observação de que esse ônibus não é biarticulado e sim apenas articulado. A Urbes informou que responderia no dia de hoje as questões levantadas pela reportagem.

Na edição do último sábado o Cruzeiro do Sul noticiou que pelo menos 12 empresas brasileiras e estrangeiras se habilitaram e realizam estudos e anteprojetos para implantação e operação do sistema BRT de transporte e do Hospital de Clínicas em Sorocaba. Dos grupos que mostraram interesse no edital publicado em 27 de dezembro do ano passado, oito conglomerados desenvolvem os estudos relacionados ao Hospital de Clínicas e seis ao sistema BRT, sendo que dois grupos se habilitaram para os dois projetos.

Para a implantação e operação de rede de aproximadamente 35 quilômetros de corredores de transporte coletivo com as plataformas de paradas e os terminais urbanos a Prefeitura calcula um investimento inicial em torno dos R$ 190 milhões em infraestrutura. O município já conta com financiamento aprovado pelo Governo Federal por meio do PAC2 da Mobilidade para investimentos em infraestrutura pública do BRT.

Blog das PPPs

SP: Doze empresas disputam PPPs de R$ 1 bi em Sorocaba

Sorocaba - Doze empresas brasileiras e estrangeiras se habilitaram para apresentar estudos e anteprojetos para as duas primeiras Parcerias Público-Privadas (PPP) definidas pela atual administração de Sorocaba, a 92 km de São Paulo. 

Oito grupos concorrem à instalação e operação do Bus Rapid Transit (BRT), sistema de ônibus de alta capacidade, um projeto de R$ 200 milhões. 

Outras seis empresas se apresentaram para o projeto de um hospital de clínicas na cidade, orçado em R$ 250 milhões. O prazo para os estudos é de 60 dias no caso do hospital e de 105 dias para o sistema de transporte coletivo.

Os projetos fazem parte de um investimento de R$ 1 bilhão previsto pelo município em programas a serem desenvolvidos através de PPPs. As ações contemplam ainda em áreas de saneamento, educação, resíduos sólidos e iluminação pública. 

Por envolver parceria com o setor público, as obras serão objeto de licitação. O terreno para o hospital, que terá 200 leitos, já foi adquirido pela prefeitura na zona norte da cidade. 

Na primeira fase, o BRT terá 35 quilômetros de corredores. O projeto será financiado pelo governo federal. Para o prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB), as parcerias com a iniciativa privada ampliam a capacidade de investimento do município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário