quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Faixa exclusiva da Paulista é antecipada para quarta

06/07/2013 - O Estado de SP

A Prefeitura de São Paulo antecipou em cinco dias a abertura da faixa exclusiva para ônibus na Avenida Paulista. Ela estava marcada para o dia 15, mas será na próxima quarta-feira, logo depois do feriado. Ainda não há data certa para começar a fiscalização, mas a multa por invadir a faixa será de R$ 53,20.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) não informou o motivo da antecipação da inauguração. A ordem do órgão é acelerar a instalação dessas faixas – uma resposta do prefeito Fernando Haddad (PT) aos protestos contra a má qualidade do transporte público. O prefeito já ampliou a meta de 150 km para 220 km de faixas exclusivas até o fim do ano.

A pista exclusiva para coletivos da Paulista será instalada em um trecho de 2 quilômetros, nos dois sentidos, entre a Praça Oswaldo Cruz e a Rua Augusta. Também haverá uma extensão na Avenida Doutor Arnaldo, com 710 metros, no sentido centro, entre a Rua Galeno de Almeida e 175 metros após a Rua Teodoro Sampaio.

As duas faixas exclusivas vão funcionar de segunda a sexta-feira, das 6h às 22h. Nos sábados, a da Paulista vai ser acionada nesse mesmo horário, mas a da Avenida Doutor Arnaldo será só para ônibus das 6h às 14h.

06/07/2013 - Folha.com

Av. Paulista e Dr. Arnaldo ganham faixas ônibus na quarta-feira

As faixas exclusivas de ônibus na avenida Paulista e na avenida Doutor Arnaldo, que estavam previstas para serem implantadas no próximo dia 15 de julho, foram antecipadas e começarão a funcionar já na quarta-feira (10).

Na Paulista, a faixa funcionará em ambos os sentidos, de segunda a sábado, das 6h às 22h, entre a praça Oswaldo Cruz e a rua Augusta, perfazendo uma extensão total de 2 km.

Já na avenida Doutor Arnaldo, a faixa será implantada no sentido centro, entre a rua Galeno de Almeida e a rua Teodoro Sampaio, com extensão de 710 metros, e no sentido bairro, entre a rua Prof. Ernest Marcus e a Teodoro Sampaio, numa extensão aproximada de 550 metros.

O funcionamento da da Doutor Arnaldo será de segunda a sexta-feira, das 06h às 22h, e aos sábados, das 6h às 14h.

Ainda no mês de julho, irão receber as faixas as ruas Brigadeiro Gavião Peixoto, Ibitirama, Loefgreen, Sapopemba e o trecho do corredor norte-sul formado pelas avenidas Tiradentes, Santos Dumont e Prestes Maia.

As faixas exclusivas geralmente ficam à direita das avenidas e funcionam apenas nos horários de pico. A invasão rende multa de R$ 53,20, mais três pontos na carteira de habilitação.

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) alerta que em caso de conversão o motorista deve ultrapassar apenas os trechos em que a faixa é tracejada e não contínua. Já ultrapassar a faixa tracejada e não fazer a conversão também está sujeito a multa.

A gestão de Fernando Haddad (PT) já implantou em torno de 60 km de faixas exclusivas. A meta inicial era entregar 150 km até o fim do mandato, mas na semana passada o prefeito antecipou a meta para este ano e aumentou o número para 220 km.

"Todas as grandes avenidas de São Paulo vão contar com faixas exclusivas para aumentar a velocidade, melhorar a qualidade e diminuir o custo [dos ônibus]", afirmou o petista. O anúncio pegou de surpresa técnicos da CET, que ainda não aprontaram todos os projetos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário