quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Corredor poderá ganhar ônibus expresso

30/07/2013 - O Estado de SP

Norte-Sul. Táxis devem ser autorizados a utilizar faixas exclusivas de ônibus da cidade

A criação de uma faixa exclusiva de ônibus ao longo de todo o corredor Norte-Sul, que começou a ser implementada ontem e está prevista para ser concluída nos próximos 30 dias, pode viabilizar uma linha de ônibus que atravesse a cidade. A criação do itinerário está sendo estudada por técnicos da Secretaria Municipal de Transportes.

"Não digo que seria uma linha expressa porque teríamos que fazer algumas paradas. Mas você atravessaria a cidade com uma linha só, o que não acontece hoje", afirmou o secretário municipal dos Transportes, Jilmar Tatto. Em geral, os coletivos que saem da zona sul ou da zona norte param em terminais no centro. "Alguns corredores, como os das Avenidas Ibirapuera e 9 de Julho estão sobrecarregados. Eventualmente, algumas linhas poderiam ser transferidas para a 23 de Maio."

Especialistas em engenharia de tráfego defendem a criação de uma linha de ônibus de alta capacidade que faça a ligação Norte-Sul e seja alimentada por linhas menores, que circulariam pelos bairros. Mas o ideal seria que esses veículos andassem por corredores de ônibus à esquerda – e não pela faixa exclusiva à direita, que tem mais interferências dos automóveis.

"Poderia ser feito um grande corredor, com ultrapassagem nos pontos de parada e uma linha estrutural, com ônibus biarticulados. Um sistema desse poderia transportar 35 mil passageiros por hora e por sentido da via, quase metade do que faz uma linha de metrô, mas com um preço de implementação muito mais baixo", afirma o consultor Sérgio Ejzenberg, mestre em Transportes pela USP.

Velocidade. A faixa exclusiva começou a funcionar ontem entre as Ruas Paineira do Campo e Carlos de Souza Nazaré, passando pela Ponte das Bandeiras e atravessando a Avenida do Estado. A velocidade dos ônibus quase dobrou. Na semana passada os ônibus circulavam a 14 km/h. Ontem de manhã, eles atingiram a média de 25,4 km/h, segundo medição parcial feita por técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Um estudo completo sobre a eficiência das faixas exclusivas está ainda sendo preparado pela CET. O secretário Jilmar Tatto lembrou que os táxis devem ser autorizados a utilizar as faixas exclusivas da cidade. Em alguns pontos, como na Marginal do Pinheiros, ônibus fretados também podem ser beneficiados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário