sábado, 30 de março de 2013

Prefeitura quer terminal de ônibus na frente do Aeroporto de Congonhas

25/03/2013 - O Estado de São Paulo

A Prefeitura planeja construir um terminal de ônibus na frente do Aeroporto de Congonhas, na zona sul. Se sair do papel, será o segundo equipamento voltado ao transporte público de massa erguido na área, hoje de difícil acesso a quem não usa carro ou táxi. O Metrô já começou a fazer perto dali uma estação de monotrilho, prevista para ser entregue no fim de 2014.

Segundo a Secretaria Municipal dos Transportes, o Terminal Jardim Aeroporto, que atenderá o futuro corredor de ônibus da Avenida 23 de Maio, terá área coberta de 13 mil m² e plataformas com 540 metros. A expectativa é de que fique pronto em até três anos e meio.

Por ora, não há informações sobre quantos passageiros devem ser beneficiados pelo terminal nem quantas linhas o servirão. Tampouco se será ligado à estação de monotrilho e ao aeroporto. A São Paulo Transporte (SPTrans) diz que os detalhes do empreendimento ainda dependem de estudos.

Na semana passada, foram lançados editais para contratar os projetos básicos deste e de mais dez terminais - todos nas zonas sul e leste -, além de 123 km de corredores de ônibus. A localização exata do terminal do aeroporto não foi informada, mas, pelo mapa anexado à licitação, será perto da esquina da Avenida Washington Luís com a Rua Vieira de Moraes. O terreno da antiga Vasp, atualmente desocupado, fica bem ao lado. Nas redondezas, também há um bolsão de radiotáxis. O terminal poderia ser montado em algum desses pontos.

Para o comerciante Valmir Paulo Ferreira, de 73 anos, a obra será boa. "Há anos, ali está totalmente abandonado, vazio." Ele arrenda uma lanchonete na Washington Luís. Uma de suas funcionárias, a cozinheira Maria Araújo, de 49 anos, que mora no Grajaú, na zona sul, usa diariamente ônibus para trabalhar. Em sua opinião, o terminal deverá facilitar sua vida. "Provavelmente, vou poder pegar o ônibus vazio."

O corredor previsto pela gestão Fernando Haddad (PT) para o corredor norte-sul terá 25,3 km. As obras devem começar no ano que vem. Para o projeto, estão previstos mais dois terminais além do Jardim Aeroporto: Jardim Miriam e Baronesa, também na zona sul.

Opções

Para especialistas, o corredor pode se tornar mais atraente que o monotrilho para quem quiser ir de transporte coletivo ao aeroporto. Isso porque a Linha 17-Ouro do Metrô inicialmente ligará Congonhas apenas à Estação Morumbi da Linha 9-Esmeralda da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), fora de mão da região central. De monotrilho, quem está no centro terá de ir até o Morumbi para depois voltar ao aeroporto. A extensão desse ramal até o Jabaquara, onde se conectará com a Linha 1-Azul do Metrô, de mais fácil acesso a áreas centrais, ainda não tem data.

Nenhum comentário:

Postar um comentário