sábado, 8 de dezembro de 2012

Transporte coletivo de Taubaté inicia a integração de linhas

06/12/2012 - G1

A ABC Transportes, permissionária do transporte coletivo em Taubaté, iniciou nesta quarta-feira (5) a operação do sistema de integração das linhas de ônibus. Com o novo modelo, a cidade passa a ser a segunda no Vale do Paraíba a adotar a tarifa única para a utilização de mais de um ônibus em período pré-estebelecido.

As 77 vans do Transporte Complementar de Taubaté (Tctau) não foram contempladas pela medida. (saiba mais abaixo).


A ABC investiu R$ 1 milhão na modernização da tecnologia de bilhetagem eletrônica para viabilizar o acesso da população a integração das linhas. A maior parte do valor foi aplicada na renovação dos cartões e o restante em modernização dos softwares das catracas.

De acordo com o diretor da ABC, Tiago Felício, a tarifa única deve ser utilizada por pelo menos 15% dos 60 mil passageiros atendidos diariamente. Na prática, o passageiro que pagava duas passagens para chegar ao destino, totalizando R$ 5,60, vai pagar apenas uma, R$ 2,80.

A regra é que o passageiro embarque no segundo ônibus em um prazo máximo de uma hora e que o ônibus opere em linha de mesmo sentido. O sistema depende da utilização de cartões eletrônicos e não funciona para passageiros que utilizam apenas dinheiro como forma de pagamento.

"O sistema tem cadastrado as linhas que se integram. Quando o usuário usa o cartão para pagar a tarifa, a integração está acionada caso ele precise. A integração não funciona para sentidos opostos, como por exemplo, uma pessoa que foi de um bairro ao Centro e volte no período de menos de uma hora não tem direito ao bilhete único", explicou o diretor.

Além do bilhete único, a ABC lançou em outubro uma promoção para os usuários da bilhategam eletrônica, em que o passageiro recebe gratuitamente uma passagem para viajar as domingos após a compra de valor equivalente a 10 passagens de ônibus.

Transporte Complementar
Os permissionários do TCTAU criticam a Secretaria de Transportes da cidade, gestora do sistema de transporte público, por não acionar as vans para que o bilhete único fosse implementado também nos veículos da cooperativa.

Em protesto ao bilhete único e também à promoção da ABC, os permissionários da TCTAU reduziram a tarifa para R$ 2,52 no último dia 26 de novembro. O novo valor não foi autorizado pela administração. "Já faz dois anos que existe essa conversa de integração das linhas e desde o começo pedimos para prefeitura participar. Não podemos ficar no prejuízo. A ABC faz promoções, agora tem o bilhete único, então reduzimos nossa passagem como moeda de troca para pressionar a prefeitura na negociação. Queremos ser incluídos no sistema e nos mantermos competitivos", disse Sérgio Vasconcelos, permissionário do Tctau.

A cooperativa opera 77 vans, das quais, 7 deixaram de cobrar a tarifa de R$ 2,52 e voltaram para o valor de R$ 2,80 nesta semana. Os demais mantém o protesto.

O diretor da Secretaria de Trânsito e Transportes de Taubaté, Luiz Donizete Gonçalves, foi procurado, mas não atendeu às ligações do G1 até a publicação da reportagem. Em entrevista anterior, a pasta afirmou que a redução da tarifa da TCTAU não havia sido autorizada.

Serviço
Para aquisição ou troca dos cartões antigos da ABC Transportes, basta procurar a loja da empresa no Parque Doutor Barbosa de Oliveira (rodoviária velha) ou na empresa, que fica à Rua Margarida, 612. Para dúvidas, o telefone é o (12) 3621-5300.

Suellen Fernandes
Do G1 Vale do Paraíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário