quinta-feira, 12 de agosto de 2010

SP aprova lei que garante escolha de novo destino caso ônibus quebre


11/08/2010 19h50 - Atualizado em 11/08/2010 20h00


Proposta ainda depende de sanção do prefeito Gilberto Kassab.
Ideia é livrar passageiros de ter de esperar ônibus da mesma empresa.

Roney DomingosDo G1 SP
Onibus parada Passageiros em parada de ônibus da
capital paulista (Foto: Arquivo/Luísa Brito/G1)
Um projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal de São Paulo nesta quarta-feira (11) possibilita que o passageiro escolha em que ônibus e para que destino quer embarcar gratuitamente caso haja pane no veículo em que ele viaja. Para virar lei, a proposta depende ainda de sanção do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.
Autor do projeto, o vereador João Antônio afirma que atualmente quando o ônibus quebra  parte dos passageiros tem de esperar outro ônibus da mesma empresa e para o mesmo destino, mesmo que estejam em corredores servidos por outras companhias. Com o projeto, ele pretende estabelecer que os passageiros podem escolher livremente para onde ir e em que ônibus embarcar, sem nenhum custo.

João Antônio reconhece que a lei é inócua para os passageiros que usam o bilhete único, que permite fazer até quatro viagens no período de três horas ao custo de apenas uma tarifa, mas afirma que a ideia pode ser útil para quem não detém o cartão.

A lei ainda permite ao usuário solicitar a restituição do valor da passagem, na forma em que o pagamento foi efetuado (dinheiro ou créditos no bilhete único).

Nenhum comentário:

Postar um comentário